Mais sexo, menos stress | Melhor Amiga

 
 

Confiança acima de tudo

 


Mais sexo, menos stress

Postado em 12 de março de 2010 por magostinho em Sexo

A relação está meio morna? Mais um motivo para transar! Além dos benefícios que a gente já conhece, fazer sexo é tiro e queda para mandar embora a tensão e deixar você mais disposta e bem-humorada

Esquente o clima

Quantas vezes você adiou a transa por estar exausta ou com a cabeça cheia de preocupações? Se a resposta faz você perder a conta, saiba que não é a única, pois sexo e stress têm mesmo uma relação bem íntima. Mas isso não quer dizer que vale se acomodar, afinal existem provas de sobra de que o amor bem feito é uma arma poderosa para aliviar a tensão e deixar você calminha, calminha. “Ele funciona como uma válvula de escape: há quem desconte o stress na comida, outros nas compras… o sexo é mais uma alternativa”, fala a ginecologista e terapeuta sexual Franciele Minotto, de São Paulo.

A explicação está na química. “Em situações de stress, o organismo libera cortisol, substância que altera a ação dos neurotransmissores responsáveis pela sensação de prazer, como endorfina e dopamina”, descreve a médica. Isso explica o tesão lá embaixo quando você está tensa. Por outro lado, como essas substâncias positivas têm a secreção aumentada durante a excitação, são capazes de bater os níveis de cortisol, fazendo você esquecer os problemas e aproveitar o momento.

Comer e coçar…

Um estudo da Arizona State University, nos Estados Unidos, revelou que mulheres que haviam feito sexo na noite anterior se mostravam mais relaxadas e bem-humoradas pela manhã. Dessa vez, também foi levado em consideração o envolvimento afetivo com o parceiro, colocando na jogada o hormônio ocitocina, que funciona como uma cola emocional, porque faz o casal querer ficar cada vez mais junto. “O toque eleva os níveis dessa substância na corrente sanguínea”, diz Ana Maria Fonseca Zampieri, psicóloga e terapeuta sexual de São Paulo. “Ela dá uma força para o impulso sexual e pode fazer aquilo que começa como um carinho no sofá esquentar e terminar na cama.” Sabe aquela história de que comer e coçar é só começar? Culpa da ocitocina, que, por reforçar o vínculo

entre os parceiros, também contribui para a administração da ansiedade e do stress.

Turbine seu desejo

Ao contrário do que muita gente pensa, não é preciso estar cheia de energia para que a transa seja ótima. Acredite: chegar em casa depois de um dia daqueles e se jogar nos braços do seu amado (ainda que meio a contragosto) pode ser mais relaxante do que tomar um banho e cair na cama. Isso porque o cansaço derivado do sexo é positivo e mexe com a nossa disposição. Exatamente como funciona com a atividade física. “Transar aumenta a produção de serotonina, que responde pela sensação de bem-estar e melhora o humor”, afirma o terapeuta sexual Amaury Mendes Júnior, do Rio de Janeiro. “E eleva os níveis de estrogênio (que faz você se sentir mais bonita) e testosterona (que faz querer mais sexo)”, diz.

Não estamos sugerindo que você transe naqueles dias em que não está nem um pouco a fim – o que, vamos combinar, às vezes acontece. Até porque não é só a falta de sexo que deixa você irritada. Topar a brincadeira apenas para agradar o outro, e não por desejo próprio, tem efeito contrário na autoestima e na libido quando a relação não está lá essas coisas.

Porém, se o problema for só aquela preguicinha, boa notícia. Luz de velas, ambiente perfumado, uma música instigante ou até uma comidinha afrodisíaca têm o poder de acalmar, aguçar os sentidos e ajudar você a entrar no clima. Aí, você já sabe: é só relaxar e gozar.

[Boa forma]