Você está aqui
Home > Beleza > O uso do ácido hialurônico no tratamento da celulite

O uso do ácido hialurônico no tratamento da celulite

Fallback Image

tratamento para celuliteA celulite, considerada uma das “inimigas” da beleza feminina, é caracterizada pelo aparecimento de ondulações na pele, dando a ela o aspecto de casca de laranja. Seu aparecimento está ligado aos efeitos do estrógeno, um importante hormônio feminino, que leva a alterações no tecido gorduroso sob a pele, retenção de líquidos e alterações na microcirculação. Consequente, aumenta a presença de tecido fibroso em áreas camo glúteos e coxa, quadro que é agravado pela alimentação desiquilibrada, falta de atividade física e características genéticas. Por isso, a celulite aparece em diferentes graus e varia muito de mulher para mulher.

Sobre os tratamentos contra celulite e os resultados, a Dra. Eliandre Costa Palermo (CRM-SP 78723), especialista em dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica-SBCD, fala sobre o assunto na entrevista abaixo. Acompanhe.

1- Como o ácido hialurônico pode ser usado para atenuar a celulite? Como age?

Ele pode ser aplicado nos lugares de irregularidades para preenchimento das depressões da celulite.

2-Tem que preparar a pele com algum outro tratamento para aplicar o ácido hialurônico? Por que?

É importante encarar o problema da celulite como um todo, ele é multifatorial e precisa ser trabalhado desta forma. Exercícios, dieta equilibrada, drenagem linfática, endermologia, equipamentos com fonte de calor e alguns tipos de laser são usados em conjunto para intensificar os resultados.

3- Para qual grau de celulite o ácido hialurônico é mais indicado? Qual a freqüência de aplicação? Ou quantas sessões são necessárias?

A aplicação do acido hialurônico é indicada para celulite de grau leve a moderado, mas com pequeno número de depressões, mesmo que profundas. Não é recomendado para aquela celulite grau I, que não forma depressão, nem para a de grau III, que tem muitas depressões e excesso de peso.

4- O tratamento de celulite no bumbum é diferente do tratamento na coxa?

O tratamento ideal vai depender do grau de celulite que a região apresenta, porque há níveis diferentes na mesma pessoa. Se eles forem distintos, será necessário associar outros tratamentos. Por exemplo, a subcisão que é muito útil em depressões profundas pode ser feita antes. Avalia-se os resultados. E, se necessário, realiza-se a subcisão também nas depressões menores. Nas remanescentes, se usa o ácido hialurônico.

5-Quanto tempo dura o resultado? E a manutenção como deve ser feita?

O resultado dura de 6 a 10 meses. Quanto à manutenção, deve-se seguir os tratamentos já citados.

6- Qual o produto mais indicado para este tratamento: o Esthelis ou Fortelis?

Os dois produtos podem ser utilizados, mas é necessário observar as características de cada um. O Esthélis é aplicado em depressões superficiais, enquanto que o Fortélis é indicado para depressões mais profundas.

Maiores Informações www.dermalis.com.br

Imagem:Divulgação

Similar Articles

Acima