Você está aqui
Home > Relacionamento > Administre o dinheiro do casal

Administre o dinheiro do casal

Fallback Image

Lidar bem com as finanças cria um futuro melhor e evita discussões, que desgastam o relacionamento

financas-casamentoCasamento bom de grana

Juntar os trapinhos e passar a viver sob o mesmo teto. Essa grande realização traz consigo uma mudança radical nas finanças. Gastos com aluguel e mobília e as conquistas do dia-a-dia – como comprar um carro ou fazer uma viagem de férias – contribuem para a grana minguar.

A administração do dinheiro corre sério risco de ser motivo de desavenças entre o casal. Como, então, organizar a vida financeira de forma a não desarmonizar o casamento?

Sonhos a dois

Na opinião de Cássia D’Aquino Filocre, especialista em educação financeira, de São Paulo, não existe receita. ”Para alguns casais, ter uma conta conjunta funciona muito bem. Já outros se dão melhor mantendo os salários separados e dividindo as despesas. O fundamental é ter um campo aberto para o diálogo”, diz. O jeito de tocar no assunto e o momento de bater este papo também precisam ser escolhidos a dedo, avalia a especialista (confira próximos slides).

No mais, vocês devem ser muito francos um com o outro. Ambos têm de saber quanto o parceiro ganha e chegar a um acordo sobre o valor que cada um precisa destinar à manutenção da casa.

Outra dica: sonhos em comum ajudam a unir o casal e incentivam a poupança. ”Discutir um objetivo para a grana compensa o fato de você ter menos disponibilidade para os prazeres pessoais”, conclui Cássia.

Como fica a conta bancária no divórcio?

De acordo com Angelo Carbone, advogado do Carbone e Faiçal Advogados Associados, de São Paulo, mesmo que o cônjuge tenha uma conta ou aplicação individual no banco, na maioria dos casos, os valores devem ser divididos igualmente. Isso vale também para uniões estáveis. A exceção fica para os casados em regime de separação de bens. Carbone ressalta que, se um ex-cônjuge sacar seu FGTS, o outro pode pedir 50% do valor recolhido durante o casamento.

Conversas produtivas

. Evite, a todo custo, falar sobre dinheiro na cama ou durante as refeições.

. Defina com precisão o tema da conversa. Grana é um assunto muito amplo.

. Na hora do papo, vale convidar seu amor para sair. Um clima de passeio facilita o bom entendimento.

. Nada de bebida alcóolica, senão vai ser briga na certa. Afinal, o teor do papo é muito explosivo!

. Ouça, de verdade, o que o outro está dizendo. Não fique pensando na resposta que irá dar na sua vez.

. Tenha em mente que vocês casaram e as convicções da família de cada um a respeito de grana não valem mais. Vocês devem encontrar um jeito próprio de lidar com ela.

[M de mulher]

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: