Você está aqui
Home > Qualidade de Vida > Método Pilates é programa de condicionamento físico que deve ser aplicado por profissional certificado

Método Pilates é programa de condicionamento físico que deve ser aplicado por profissional certificado

Fallback Image

Dia 7 de abril é o Dia Mundial da Saúde e a atividade física constante é reconhecidamente como uma ferramenta para a qualidade de vida e prevenção de doenças. Academias de ginástica e estúdios oferecem o Método Pilates como uma prática de condicionamento físico, mas muitas pessoas ainda desconhecem o conceito e os fundamentos da técnica.

A diretora técnica do CGPA Pilates Cristina Abrami ressalta a importância de praticar qualquer tipo de esporte ou condicionamento com um educador físico formado e – no caso do Método Pilates – certificado para aplicar a técnica. “É necessário conhecer e entender os fundamentos da técnica, ou seja, quais são os alicerces, base e filosofia para poder aplicar o método que entre outros, integra corpo e mente, exige total concentração, prioriza qualidade de movimentos e controle respiratório. O método Pilates pode ser praticado por todos, desde que o profissional saiba adaptar os exercícios para atender as especificidades de cada indivíduo”.

Cristina Abrami responde as principais perguntas de quem quer entrar em forma e manter a saúde, com integração do condicionamento físico e harmonia mental que o Método Pilates proporciona.

O que é o Método Pilates?
Pilates é um método de condicionamento físico, criado pelo alemão Joseph Hubertus Pilates (1883 – 1967), que se baseia na reunião em uma só técnica dos princípios orientais e ocidentais de treinamento físico. Do oriente assimilou a prática da concentração aliada à respiração completa e o desenvolvimento da flexibilidade. Do lado ocidental, o treinamento da força e resistência muscular. Isso torna o método revolucionário pelo desenvolvimento equilibrado de todo corpo, respeitando os princípios da biomecânica humana sem sobrecarga nas articulações e sem o desenvolvimento exagerado da musculatura.

Quais as diferenças entre as formas praticadas so em colchonetes, bolas e nos aparelhos?
A base do método Pilates são os exercícios de solo -“Mat Pilates”, com uma seqüência de movimentos que devem ser realizados em uma determinada ordem e ritmo específico. Como são realizadas no máximo 10 repetições de cada movimento, a evolução da técnica se dá com a introdução progressiva de um maior número de exercícios intermediários e avançados à série básica inicial, onde os mesmos grupos musculares são trabalhados de forma mais intensa e desafiante. Pilates também criou equipamentos específicos com o objetivo de desafiar o equilíbrio e o controle, aumentando a demanda muscular com o aumento da resistência através de molas, bases de apoio cada vez menores e instáveis.

A diferença entre o trabalho de Mat e com os equipamentos é a intensidade e o aumento da percepção corporal oferecida por cada uma das formas.

Como saber qual e o verdadeiro Pilates?
Só existe um método Pilates, o que foi desenvolvido por Joseph Pilates e praticado de acordo com seus princípios e equipamentos originais. No decorrer de sua vida, Joseph Pilates atualizou continuamente seus conhecimentos e criou inúmeros exercícios para atender à (demanda) necessidade de seus alunos.

Alguns acreditam que o método deve ser praticado exatamente como executado na época de seu criador, mas outros admitem atualizar a prática, acrescentando novos conhecimentos da biomecânica e do movimento humano e outros equipamentos contemporâneos, que não existiam na época de sua criação, mas que se prestam muito bem à técnica, sem perder seus princípios originais.

Para os interessados em realizar uma prática segura, é preciso conhecer a origem da formação do profissional, pois já existem atualmente no Brasil vários cursos de formação que oferecem informações equivocadas e restritas, preocupados apenas em aproveitar o grande “boom” de Pilates.

Qualquer pessoa pode praticar Pilates? Existem restrições?
Pelo respeito à biomecânica humana e por sua grande adaptabilidade, o Método Pilates pode ser praticado por pessoas das mais diferentes idades, níveis de condicionamento físico e limitações de movimento. Atende às necessidades de condicionamento físico em todas as fases da vida, da infância e adolescência à juventude, gestantes (pré e pós natal), homens, idosos, obesos, portadores de osteoporose, desvios e dores de coluna, dores crônicas até atletas que necessitam equilibrar e aprimorar ainda mais sua performance.

Quais os benefícios da prática?
Por ser um sistema de exercícios que não dissocia o treinamento mental do treinamento físico, proporciona uma prática segura e equilibrada, prevenindo lesões, melhorando a postura, corrigindo desequilíbrios musculares, permitindo ao mesmo tempo o desenvolvimento da força e da flexibilidade, aliviando e eliminando dores, melhorando a coordenação e o equilíbrio, fortalecendo os ossos, modelando os músculos e afinado a silhueta, melhorando a circulação sanguínea e o sistema imunológico, aumentando a autoestima e a qualidade de vida.

Muita gente acha que Pilates e muito parecido com yoga. Existe mesmo muita semelhança?
A única semelhança é o fato de Pilates ter baseado sua filosofia e seus princípios também nas práticas orientais de movimento, como as artes marciais e também a Yoga. Alguns exercícios de Pilates lembram movimentos da Yoga, mas com respiração, ritmo e objetivo diferentes.

Em quanto tempo o praticante consegue ver os resultados?
Já na primeira sessão é possível observar a diferença do Pilates para a ginástica tradicional. Os resultados dependem da freqüência, da intensidade e do nível de consciência corporal do praticante. Pelas palavras do próprio Pilates: “Em 10 sessões você vai sentir uma diferença, em 20 sessões você vai ver a diferença e em trinta sessões você terá um corpo inteiramente novo”.

São recomendadas de duas a três sessões semanais para que os resultados possam ser observados mais rapidamente e a sua prática pode ser estendida por toda a vida.

Onde é possível praticar Pilates?
Vários locais oferecem atualmente uma prática de Pilates segura e de qualidade em todo o Brasil. Por se tratar de uma atividade que exige um alto grau de concentração e uma execução precisa, deve ser praticado individualmente ou em pequenos grupos, num ambiente tranqüilo e sempre com a orientação de um instrutor experiente.

Similar Articles

Acima