Você está aqui
Home > Nutrição > Prebióticos e Probióticos para um intestino saudável

Prebióticos e Probióticos para um intestino saudável

Fallback Image

COMO VAI SEU INTESTINO?

Você já pensou na sua saúde hoje? Então você já pensou no seu intestino.Sim, é ele também o responsável por diversas funções como proteção, resposta imune equilibrada, benefícios nutricionais e funções reguladoras metabólicas que afetam todo o corpo. Não esquecendo de mencionar que é ele, o intestino, responsável por grande parte da produção de serotonina, aquele neurotransmissor considerado a mágica do bem estar.

Abrigamos cerca de 100 trilhões de bactérias em nosso intestino e o intestino grosso hospeda mais de 400 espécies de bactérias diferentes, o que representa 35-50 % do seu conteúdo. E quando ocorre um desequilíbrio da flora microbiana, chegamos a DISBIOSE.

DISBIOSE

Seu sistema imunitário cai muito e você começa a ficar doente à toa, toma remédios, aumenta a permeabilidade da parede do intestino, aumenta a passagem de toxinas para seu organismo que deveria receber nutrientes e recebe resíduos tóxicos, suas células começam a se duplicar com matéria deteriorada.

A desordem na flora intestinal e alimentos pobres em fibras vegetais e uma baixa ingesta de água também somam para a “PRISÃO DE VENTRE”, cursando com abdômen distendido, dor de cabeça, flatulência e sujeito a proliferação de fungos intestinais.O consumo de fast-foods, ingesta insuficente de água, refeições em horários irregulares, ausência de exercícios físicos, associados à vida moderna são as causas principais para a constipação intestinal (intestino preso) explica e ressalta a médica nutrologa e endocrinologista Dra. Tatiana Cunha da Clinica Volpe em São Paulo.

A melhor opção de tratamento para prisão de ventre é ter uma alimentação saudável e balanceada, rica em fibras, com ingesta de 2 litros de água pura ao dia, prática de exercícios físicos regulares e não esquecer de atender ao impulso de defecar, o que nem sempre é atendido. Acrescenta ainda que “ os prébioticos e os probióticos podem sustentar a microflora intestinal saudável.”

Um PREBIOTICO é um ingrediente alimentar não digerido que estimula o crescimento e a atividade das bactérias benéficas do intestino. Estes alimentos não são absorvidos na parte superior do aparelho gastrointestinal, assim eles entram no cólon para fornecer o alimento para as bactérias residentes benéficas.

Benefícios: estimula a motilidade intestinal, aumenta a absorção de cálcio, magnésio e ferro, reduz a formação de cálculos biliares, diminui a concentração de triglicerídeos e colesterol, oferece proteção contra as cáries, além de ação antiinflamatória.

FOS ( Frutooligosacarídeos ) e Inulina:

São os dois Prebióticos que são encontrados na chicória. escarola, alho, banana, tomate, cebola, trigo, cevada, centeio, aspargo, alcachofra, alho-poró, cenoura crua, tomate, cebola

Fibras Solúveis- as fibras são consideradas solúveis quando se dissolvem em água e são elas: Pectina, encontradas em maçãs, frutas cítricas, morangos, cenouras. Gomas e mucilagens, encontradas em secreções e sementes de vegetais.

O Prebiótico reúne as características das Fibras solúveis , de chegarem intactos ao intestino e formarem gel, tormam mais lento o tempo de esvaziamento gástrico, o que aumenta a saciedade,

além do benefício extra de ser bifidogênico.

FIBRAS INSOLUVEIS

Esse tipo de fibra também promove o equilíbrio da função intestinal, aumenta o bolo fecal e estimula o peristaltismo.

São elas: Lignina, presente em vegetais maduros, trigo, frutas e sementes, como o morango, e na semente da linhaça, onde estudos demonstraram atividade fitoestrogênica, podendo imitar o estrogênio, hormônio basicamente feminino, em seus receptores. Celulose, encontrada no brócolis, cenoura, aipo, farinha de trigo integral, farelo.

FIBRA DE SOYA

Soya é uma excelente fonte de fibra (15% por peso), e contêm às fibras solúveis e insolúveis. Estudos têm demonstrado que fornecem os benefícios associados das fibras solúveis e insolúveis. Às fibras solúveis atuam como nutrição para o aparelho digestivo, enquanto às fibras insolúveis ajudam aumentar o volume fecal.

GLUCOMANAN (Amorphophallus konjac)

O Glucomanan é um polissacarídeo extraído da raiz do konjac considerado uma fibra alimentar aumentando a viscosidade dos alimentos em contato com o líquido gástrico, auxiliando na regulação do intestino. Devido às fibras contidas em sua composição, Glucomanan pode ser indicado, além dos regimes de emagrecimento, no alívio às constipações intestinais, como auxiliar no tratamento da hemorróida e outras desordens intestinais.

Recomenda-se a ingesta de uma boa quantidade de líquidos durante o tratamento com Glucomanan, pois quando tomado em altas doses ou sem a presença de líquidos, pode causar constipação intestinal.

A dose para uma pessoa adulta poderá ser de 500 mg, 1 hora antes do almoço e do jantar, sendo importante a ingesta de 2 copos de água, dose que poderá ser modificada pelo seu médico.

E OS PROBIÓTICOS são alimentos ou suplementos microbianos que afetam diretamente o trato gastrointestinal, promovendo o restabelecimento da flora intestinal.

As formas mais comuns de Probióticos são Lactobacillus e bifidobactérias.

Os lactobacilllus são importantes para o nosso sistema digestivo e imunológico. Milhares de microorganismos vivos agem em nossa flora intestinal e são responsáveis pela absorção dos nutrientes da alimentação. Eles melhoram a integridade da parede intestinal e assimilam nutrientes para o organismo, como o cálcio e o ferro. Alimentos como o leite, iogurte, queijo fresco e a coalhada, são fundamentais em nosso dia-a-dia, porque contêm o melhor dos probióticos: os lactobacilos vivos, os mesmos do leite fermentado. Um frasco por dia de leite fermentado e o consumo de queijos frescos, iogurtes, coalhadas – podem ser suficientes para proteger o organismo contra o crescimento excessivo de bactérias patogênicas , que desequilibram a flora intestinal, explica a médica Dra. Tatiana Cunha, que atua em sobrepeso, obesidade e antienvelhecimento.

Similar Articles

  • Pingback: Melhor Amiga()

  • Eduardo

    Essa matéria é de grande importancia, eu mesmo não tinha pensando na minha saúde intestinal, agora sei que ela é muito importante. Parabéns.

    • Olá Eduardo, boa tarde.
      Ficamos felizes que tenha gostado e que conseguimos alertar as pessoas para uma vida saudável.
      Obrigada por entrar em contato, continue nos acompanhando.
      Abraços.
      Equipe Melhor Amiga

  • Washington Fonseca

    Por favor, gostaria de saber como posso obter o telefone da clinica onde a Drª Tatiana Cunho trabalha, minha esposa esta com todos os sintomas da FADIGA ADRENAL CRÔNICA e gostaria de fazer uma consulta.

    Obrigado,
    Washington

    • Olá Washington, boa tarde.
      Infelizmente não temos esta informação, entre em contato com um endocrinologista, ele poderá ajuda-la.
      Obrigada pelo contato e continue nos acompanhando.
      Abraços.
      Equipe Melhor Amiga

  • Claudia

    Olá,
    Drª Tatiana,assisti sua entrevista no programa Mulheres e fiquei impressiona com os sintomas de pessoas que possam ter a doença(ADRENAL CRONICA),pois tenho a maioria deles e gostaria de uma orientação e de saber se tem cura ou se é contornavel.
    Peço que se puder entrar em contato,ficarei muito grata.
    Atenciosamente.
    Claudia

  • Claudia

    Drª Tatiana,
    Gostaria muito de saber o telefone de seu consultorio.
    Obrigada
    Claudia

  • Bom dia!

    Agradeço as mensagens e informo que todas as informações estão disponíveis no site
    http://www.tatianacunha.com.br

    abraço

    Tatiana Cunha

  • Pingback: Jornal Joseense News » Prebióticos e Probióticos para um intestino saudável()

Acima
%d blogueiros gostam disto: