Você está aqui
Home > Qualidade de Vida > Ioga passo a passo

Ioga passo a passo

Fallback Image

Basta apenas respirar…se concentrar e alongar. A ioga pode apresentar resultados eficazes na diminuição de estresse, dores musculares e tensões.

Esqueça a vida tensa, os problemas e tribulações. O momento pede que a mente esteja aberta, os olhos bem fechados e a respiração no mesmo compasso do seu coração. Ioga, em sânscrito (língua indo-européia de 1200-900 a.C), significa unir ou integrar. Subentende-se então que a prática seja união de corpo e mente, e da mente com a sua verdadeira essência interior.

“Ioga é uma técnica milenar vinda da Índia. Seu significado é religação, auto-domínio, não apenas ligar o corpo e a mente, é algo muito mais profundo. A ioga vai religar o indivíduo com seu próprio eu interior, com tudo e com todos “, diz Angela Roberta Grizzo (Beta), formada pelo Instituto de Yoga Narayana, com curso de especialização na Índia. Ela é professora de ioga há quatro anos.

De acordo com a profissional, a prática impulsiona o aluno a tirar os “pés do acelerador”. É possível enxergar movimentos físicos de maneira diferenciada e benéfica para a própria saúde. Além disso, a solução para problemas como estresse, dores musculares, tensões e disfunções hormonais pode ser simples, e eficaz.

A ioga é a prática onde físico e mental trabalham em benefício do praticante. No físico, os principais exercícios envolvem posturas de alongamento, força, equilíbrio, torções, abertura e purificação do corpo. Isso fortalece locais sem tônus e alongam regiões tensas. Já no exercício mental o sucesso na ioga resume-se a respiração moderada e profunda, e concentração durante toda a prática.

A receita do bem-estar proporcionado pela prática, no entanto, não se resume a fórmula mágica. É necessário treino, dedicação e, acima de tudo, perseverança para obter os resultados almejados. A ioga prega o seguinte mantra: olhar para o interior a fim de buscar o verdadeiro eu.

Beta conta que a filosofia ioga é ampla, mas pode ser resumida em apenas uma frase. “Aquietar a mente para poder ver sua verdadeira realidade”. Para ela, as respostas para todas as nossas questões podem ser encontradas aí. “Somos seres de luz, perfeitos, com todas as respostas dentro de nós mesmos. Somos nossa pura consciência. Mas, estamos tão cegos, envoltos por ilusões, que não percebemos isso”, ressalta a profissional.

O medo é um dos principais agentes que dificultam a busca pela identidade. Isso porque a maioria teme se decepcionar com o que realmente é, ou então, prefere que os outros lhe digam quem é. Dessa forma, ninguém consegue se enxergar de forma total.

A ioga ajuda no auto-conhecimento e também na busca pela plenitude do ser, o equilíbrio entre o positivo e negativo. Auxilia na libertação de qualquer vínculo que gera dependência. “A ioga ajuda o indivíduo como um todo por meio da prática dos Asanas (posturas da ioga). Você trabalha beneficiando seus órgãos, articulações, glândulas, sistema nervoso, músculos, enfim, todo o organismo”, exemplifica Beta. Ela explica que por meio de exercícios respiratórios denominados pranayama, o aluno irá aprender a respirar. “Aliás, você já observou como respiramos de maneira diferente quando dormimos, estamos nervosos ou calmos? Tranquilizando a respiração conseguiremos nos acalmar e ficar mais concentrados, diminuindo a ansiedade”.

Quem pode fazer ioga?

Segundo Beta, qualquer pessoa pode praticar ioga, desde os mais jovens até os mais idosos. O limite é estipulado pelo próprio aluno. E a superação de limites físicos e emocionais é justamente um dos quesitos que a ioga prioriza com a prática, além da consciência da vida em totalidade e das próprias escolhas.

A ioga é destinada para quem busca bem-estar, satisfação pessoal e não quer levar a vida no “automático”. Quando o corpo e mente entram em sintonia, os resultados começam a aparecer. No entanto, o tempo pode ser diferente para cada pessoa.

A prática pode ser realizada uma vez por semana, mas o mais importante é ter disciplina. “Depois a pessoa irá viver a ioga 24 horas por dia, em sua casa, no trabalho, no trânsito. Isso porque ioga não é uma religião, é apenas um código de ética e de conduta a ser seguido. A religião da ioga é uma só, o amor”, ressalta Beta.

A própria mestra aprendeu e mudou seu comportamento por meio da prática. “A ioga me despertou quando comecei a me sentir responsável por mim mesma e parei de apontar os outros pela minha felicidade ou infelicidade”, disse. Hoje ela entende que tem escolhas, e pode fazê-las a todo momento. “Posso escolher acordar em um dia de chuva e ver a beleza que existe nele. Quando mudo minha maneira de ver as coisas, o universo todo muda, tudo a minha volta muda. Basta eu escolher e vivenciar”, conclui Beta.

Ioga passo a passo

Confira algumas posturas que podem ser feitas em sua própria casa. Lembre-se: é necessário respirar profundamente pelas narinas (e não pela boca) a cada exercício. Bom relaxamento.

Vrksasana

Postura da árvore

– Aumenta o amor próprio e o autocontrole

– Fortalece a coluna, os pés e as pernas

– Melhora a postura

– Energiza o corpo inteiro.

Utthita Trikonasana

Postura do triângulo

– Alonga e fortalece a coluna

– Traz flexibilidade aos músculos das costas

– Fortalece circulação pélvica

– Tonifica e melhora órgãos digestivos e reprodutivos

– Acalma a mente, alivia a ansiedade e tensão nervosa

Halasana

Postura do arado

– Ativa as glândulas acima do coração

– Equilibra o sistema endócrino

– Acalma o sistema nervoso simpático

– Ajuda a controlar irritabilidade, elevando o ânimo

– Alivia dores de cabeça causadas por tensão nervosa

– Rejuvenesce.

* Evite essa postura se estiver com problemas no pescoço, em caso de pressão alta e mulheres, no período menstrual.

Matsyana

Postura de peixe

– Tórax beneficiado pela grande expansão

– Desenvolve respiração completa e ampla

– Beneficia a tireóide

Ardha Urdhva Dhanurasana

Postura da meia ponte

– Tonifica as pernas e as costas

– Abre o peito, melhorando a respiração

– Aumenta a estabilidade emocional e auto-confiança

– Elimina o medo e a insegurança

Adho Mukha Svanasana

Postura do cachorro olhando para baixo

– É um antidepressivo natural

– Remove a fadiga e traz de volta a energia perdida

– Grande alongamento da parte posterior do corpo

– Elimina a rigidez nos ombros

– Acalma os nervos agitados, tranqüiliza a mente e traz sensação de alívio e relaxamento

– Tonifica a região pélvica e fortalece a coluna.

Parsvottana

Postura com intenso alongamento lateral

– Alivia rigidez dos ombros, pescoço, cotovelos e pulsos

– Alivia dor da artrite, escoliose e cifose

– Tonifica abdômen, acalma a mente e ajuda a diminuir a ansiedade e tensão nervosa

Virabhadrasana I

Postura do Herói I

– Alivia dores das costas e ciático

– Tonifica os músculos abdominais

– Alivia problemas digestivos

– Dá força, flexibilidade e equilíbrio

– Alivia rigidez das articulações.

Bhujangasana

Postura Cobra

– Tórax beneficiado pela expansão

– Estimula a coragem, eliminando medo e insegurança

– Tonifica os rins.

Bharadvajasana

Postura sentada com torção simples

– Favorece a circulação no abdômen, rins, fígado e baço

– Melhora o sistema digestivo

– Alivia dor nos ombros, pescoço e costas

– Aumenta flexibilidade da coluna.

Ecac oferece aulas de ioga aos pacientes e acompanhantes do Hospital Amaral Carvalho

O Espaço Cultural Amaral Carvalho oferece aulas de ioga gratuitas para pacientes e acompanhantes da Casa de Apoio Geral do Hospital Amaral Carvalho. Para Rachel Cesarino de Moraes Navarro, coordenadora do Ecac, a prática indiana pode reduzir a ansiedade e ensinar a lidar com os desafios, além de promover bem-estar. “Fazemos tudo que está ao nosso alcance para proporcionar melhores condições, não só de tratamento, mas de vida aos pacientes do HAC e seus acompanhantes”, diz.

Similar Articles

Acima