Você está aqui
Home > Nutrição > Conheça o cardápio anti-envelhecimento

Conheça o cardápio anti-envelhecimento

Fallback Image

A alimentação tem influência direta na estética, bem estar, saúde e longevidade dos seres humanos.

Através de uma dieta saudável que inclua alimentos funcionais que contenham substâncias antioxidantes específicas é perfeitamente possível viver mais, melhor, e com aparência mais saudável.

Muitas vezes, a idade cronológica não é compatível à idade biológica, refletindo o estilo de vida escolhido por cada um. Afinal, quem já não viu mulheres de 30 anos, envelhecidas, com aparência cansada, sem libido alguma, com falhas de memória, e a pele opaca e sem viço ??…

Em contrapartida, muitas mulheres com 50 anos ou mais , esbanjam disposição e beleza!

Nós realmente somos o que comemos, e provavelmente viveremos tanto tempo quanto nos alimentamos bem, a não ser que algum incidente aconteça no meio do caminho…

Mas afinal, quanto tempo poderemos viver?

Alguns biólogos afirmam que fomos programados para viver 120 anos. Mas, independente dessa idade limite, se você quer viver muito, algumas regras devem ser seguidas, e a primeira delas é COMER POUCO. Comprovadamente, quem come pouco, vive mais. Ainda mais se o pouco que se come, for baseado em alimentos de qualidade, promotores de longevidade.

Os alimentos com boa concentração de ANTIOXIDANTES são alguns deles, pois combatem os “malvados” radicais livres, envolvidos no envelhecimento. Frutas vermelhas, açaí, vegetais verde escuros, amarelo-alaranjados, são exemplos dessa classe de alimentos maravilhosos.

A uva roxa é a fruta vermelha vedete quando falamos de longevidade, pois na sua casca e semente existe um antioxidante fenomenal, amigo da juventude, o RESVERATROL. Ele faz aumentar tempo de vida, acredite!

Em um estudo, quando foi inoculado esse elemento em microorganismos unicelulares, seu tempo de vida aumentou em 80%!

Logo, tomar vinho tinto ou suco de uva integral te dá mais tempo para concluir suas missões na Terra.

Muita atenção deve ser dada também aos ALIMENTOS ANTIINFLAMATÒRIOS, representados pelo açafrão, o alho, o gengibre, o chá verde, a maçã e a linhaça, por exemplo. Isso porque o envelhecimento é marcado por um processo inflamatório do nosso organismo, que não causa sintomas aparentes. Mas por dentro.. A coisa pode estar feia…

Você deve estar pensando… Na teoria tudo é fácil, mas e na prática??

O que e como fazer???

Vamos às dicas:

-Consuma tudo o que puder orgânico, pois os agrotóxicos estão relacionados a uma série de doenças, inclusive o câncer. Além de ocupar seu corpo e utilizar nutrientes para sua eliminação do organismo, eles contêm menos antioxidantes e nutrientes.

-Ajude seu sistema de desintoxicação não ingerindo aditivos químicos com freqüência. Deixe aquele arco íris de corantes (que vai do amarelo tartrazina ao azul crepúsculo) de lado, e escolha alimentos naturais.

-Beba muuuita água. Ela é o veículo de excreção de todo o lixo do teu corpo.

– Troque o refrigerante pelos sucos naturais e chás, e monte combinações com os alimentos do bem.

Aí vão sugestões:

1) Suco de maçã + acerola + linhaça

(Suco hiper antiinflamatório! Acerola é a fruta considerada mais antiinflamatória que existe, e a linhaça é riquíssima em ômega 3, que age da mesma forma. Os nutrientes antioxidantes presentes nos ingredientes, como a vitamina C e a vitamina E, combatem os radicais livres em prol da vida)

2) Suco de açaí com frutas vermelhas + água de coco

Só não use o xarope de guaraná, que é puro açúcar! Adoce com mel,agave ou frutas secas…

3) Chá verde geladinho com raspinhas de casca de limão

Além de todo o potencial do chá verde, o D limoneno, antioxidante da casca do limão vem dar uma força e um toque de sabor.

4) Suco de uva integral (aquele que vem na garrafona de vidro)- Puro resveratrol!

-Coma muitas folhas e vegetais crus, pois eles contêm enzimas, que morrem com o cozimento. Quando elas estão vivas, poupam seu organismo do trabalho de produzir enzimas para digestão. E ele fica mais novinho! Dura mais! Ainda melhor se fizer um molhinho funcional:

-Azeite extra virgem + alho espremidinho + gengibre raladinho

-Por fim : não fume, evite álcool, faça exercícios (moderadamente), e cuidado com o estresse ( ele não só envelhece, mas mata!!!). Portanto, Relax…..

Então, mudanças pela frente…. Não vai ser fácil, mas é possível mudar estilo de vida. É preciso começar.

Ninguém quer ficar pra semente, eu sei.. Mas sem ruga e sem doenças, tenho certeza que sim!!!

Flávia Cyfer é Nutricionista clínica Funcional, Graduada em Nutrição pela Univesidade Gama Filho – RJ e Pós graduada em Nutrição Clínica Funcional pela UNIC-SUL / Valeria PAschoal Instituição de ensino.

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: