Você está aqui
Home > Casa > Ambientes belamente integrados

Ambientes belamente integrados

Fallback Image

A arquiteta Estela Netto lançou mão de um mármore para conectar três espaços distintos em seu ambiente na Casa Cor Minas 2012, uma forma inteligente e sofisticada de integração que resultou em charme, atemporalidade e muita beleza.

Para otimizar e proporcionar mais fluidez entre ambientes diferentes, a integração é a escolha mais certeira. Por meio dessa solução, consegue-se ainda transmitir a sensação de amplitude e profundidade e criar espaços mais arejados e homogêneos. A verdade é que a integração é uma característica dos projetos de arquitetura modernos. E esse novo e sofisticado padrão, pelo visto, veio para ficar.

Em ambientes que são integrados há sempre algum elemento que enfatiza essa união. Muitas vezes, o responsável por criar essa ligação sensorial é um móvel, um piso e ou um tapete. Mas há outras formas de associação que fogem dos padrões tradicionais.

A arquiteta Estela Netto é conhecedora dessas maneiras de abandonar antigos modelos e propor novos. Ciente dos benefícios da integração, ela recorreu a esse recurso no seu ambiente na Casa Cor Minas 2012 e ousou ao especificar um belo painel de mármore travertino Romana Navona, da Directa Piedras, que interliga e emoldura três espaços distintos – cozinha, estar e adega – que compõem seu ambiente.

“Queria um revestimento clássico e atemporal que, ao mesmo tempo, nos remetesse ao rústico. Lembrei-me da Itália e suas casas de campo deslumbrantes e resolvi lançar mão desse tipo de mármore”, conta Estela. Segundo ela, a opção por uma pedra para conectar os três espaços é por causa da sensação que a mesma causa nas pessoas. “A integração dos espaços por meio da parede de pedra conduz o olhar do observador por todo o ambiente, revelando as nuances e especificidades de cada espaço, ou seja, ela atrai e retém a atenção”, salienta.

Além de conectar os espaços, o mármore travertino Romana Navona é belíssimo e possui importante função estética no ambiente da arquiteta. Mas essa pedra não foi escolhida pela profissional somente por causa da beleza, como explica Marcelo Milagre, diretor da Directa Piedras: “Esse mármore possui alta resistência e durabilidade, além disso, é rústico e, ao mesmo tempo, cheio de requinte. Pode ser aplicado em pisos, paredes, fachadas, bancadas e em áreas interna e externa, sendo, portanto, muito versátil. Não bastasse tantas qualidades, a pedra confere exclusividade e originalidade ao ambiente”.

 

O painel de mármore travertino Romana Navona, no lado direito da foto, integra estar, cozinha e adega de forma sofisticada e inovadora. A pedra rouba a atenção é marca presença no espaço.(Foto: Daniel Mansur).

Similar Articles

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Acima