Você está aqui
Home > Beleza > Conheça os diferentes tipos de peeling

Conheça os diferentes tipos de peeling

Fallback Image

É no rosto que ficam mais visíveis os sinais do envelhecimento. A medicina, em especial a Dermatologia, avançou muito em soluções que contribuem para o rejuvenescimento e retardam o envelhecimento da pele.

“Peeling” é um termo muito comum ao se falar em cuidados com a pele, mas são tantas as denominações – peeling químico, mecânico, de diamante, de cristal e tantos outros, que muitas dúvidas podem surgir. “Existem diferentes meios de realizarmos o peeling, pelo qual estimulamos a renovação das células da pele”, explica a médica dermatologista Christiana Blattner, membro efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Diferentes tipos de peeling:

O peeling mecânico, ou dermoabrasão, provoca a descamação da pele por atrito. “Dentre o peeling mecânico, optamos pelo peeling de diamante. Com uma lixa diamantada bem fina, vamos esfoliando a pele, provocando a renovação celular. A pele fica mais macia e brilhante na mesma hora”, comenta Renata B. Podolsky, esteticista da clínica Dermatolaser. “O peeling de diamante não é agressivo, pois não chega à derme – é mais superficial. Pode ser feito uma vez por semana e, dependendo do caso, após a limpeza de pele”, aconselha.

O peeling químico, como o nome diz, usa produtos químicos para ‘amolecer o cimento intercelular onde estão as células’. “É comum associarmos o peeling químico ao peeling mecânico, para um resultado mais eficaz. É algo rápido, indolor e potencializa a descamação”, completa Renata.

Lasers Fracionados – para as camadas mais profundas da pele

De atuação nas camadas mais profundas da pele, os Lasers CO2 fracionado e FRAXEL são as opções mais procuradas para o rejuvenescimento facial. Indicados para as linhas finas da face, principalmente em torno da boca, contorno dos olhos, das maçãs do rosto e testa, os lasers conseguem atuar com profundidade, chegando à segunda camada da pele, o que estimula a remodelação do colágeno, diminui a flacidez e, consequentemente, proporciona um aspecto mais jovem à pele.

O procedimento é realizado com anestésico potente, sendo praticamente indolor, e dura aproximadamente meia hora. “O laser fracionado emite micro feixes de luz com o aspecto de uma ducha, atingindo assim, pontos bem específicos, deixando a pele ao redor intacta e tornando a recuperação mais rápida”, explica a dermatologista Christiana Blattner, diretora técnica da clínica Dermatolaser, em Campinas.

“O Laser CO2 Fracionado é considerado o que há de mais moderno em rejuvenescimento da pele, com bons resultados no clareamento de manchas e melhora da textura, além de ser eficaz para remover diferentes tipos de cicatrizes”, finaliza a médica.

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: