Você está aqui
Home > Casa > Novas formas de usar o tradicional papel de parede

Novas formas de usar o tradicional papel de parede

Fallback Image

Novas formas de usar o tradicional papel de parede prometem levar maior personalização, beleza, e exclusividade para os ambientes

Super em alta nas décadas de 1960 e 1970, o papel de parede perdeu lugar com o passar dos anos. Agora, esse material ressurge com força na decoração e ganha cada vez mais adeptos. Porém, se antes revestia todas as paredes internas do ambiente, agora, a tendência é usar o papel em apenas um lado da parede, proporcionando maior personalização e beleza ao espaço.

Prático, com muitas opções de cores e formatos, o papel dá maior liberdade de criação ao decorador. As possibilidades são infinitas. Um exemplo disso é o trabalho que o designer de interiores Marco Reis desenvolveu para um de seus projetos. Ele lançou mão de retalhos de tecidos garimpados e criou um papel de parede singular, que tornou o ambiente único, com características próprias.

“Utilizei o tecido de algodão aplicado direto na parede com cola de contato. Os tecidos foram recortados de forma assimétrica. A intenção foi brincar com a variedade de estampas dos recortes que, unidas, formaram uma unidade harmônica”, conta o designer. Para o profissional, esse recurso transmite ousadia e liberdade, além de dar exclusividade ao espaço.

O papel de parede é rápido e fácil de aplicar, proporciona efeitos bem interessantes, basta ter um pouco de criatividade. Mas antes de aplicar esse material é preciso tomar alguns cuidados. “A parede deve ser preparada como se fosse receber uma pintura, ou seja, precisa estar lisa, sem imperfeições, o ideal é que esteja lixada. O papel não esconde os defeitos da parede, pelo contrário, pode torná-los mais evidentes, por isso, a necessidade de prepará-la antes”, ensina Marco.

Similar Articles

Acima