Você está aqui
Home > Turismo > Conheça as Ilhas Cayman

Conheça as Ilhas Cayman

Fallback Image

ilhas-cayman

Por Hugo Medeiros

Grand Cayman, uma ilha menor do que Ilhabela e com apenas 50 mil habitantes, pensei que a principal, e provavelmente única atração, seria o mar. E eu não poderia estar mais enganado. O que se vê por lá é uma estrutura turística que atende todos os gostos e idades, permitindo que um viajante passe por experiências novas a cada dia.

O melhor de tudo é a Stingray City, e só ela já justifica a viagem. Mas tem muito mais coisa, e certamente quem estiver por lá irá encontrar algo que lhe agrade.

Camana Bay é um complexo formado por lojas, restaurantes, escritórios e apartamentos, em uma localização bem central, próximo do aeroporto.

camana-bay

Apesar da descrição lembra um shopping, valem algumas observações. Trata-se mais de um centro de entretenimento a céu aberto, onde se pode passear, comprar, comer e se divertir.

Não espere encontrar um lugar lotado. O ponto alto do Camana é passear entre as lojas, degustar um sorvete ou parar num restaurante, com bastante tranquilidade e calma.

É um ótimo programa para o fim de tarde, principalmente para um lanche ou happy hour. Não consegui ver os preços dos produtos, mas pelo que comentaram são um pouco mais altos do que em Georgetown (centro de Grand Cayman).

Se tem um lugar que pode ser considerado imperdível nas Ilhas Cayman, é Stingray City, uma laguna que se tornou colônia de arraias. Trata-se de único local do mundo em que se pode nadar com várias arraias em seu ambiente natural. E quando digo nadar, estou exagerando, porque na realidade você anda no meio do mar, numa profundidade máxima de 1 metro, levando trombada de arraia por todos os lados.

arraia

Tem arraia de todos os tamanhos, desde as pequenininhas até as gigantes, e elas circulam livremente entre os turistas. É uma experiência fabulosa, para pessoas de todas as idades. Desde crianças pequenas, que podem ficar no colo dos pais, até idosos, todo mundo pode aproveitar.

Eu não sou criança já faz vários anos, mas curti muito ir à Dolphin Cove. O que achei interessante é que os golfinhos não ficam presos em tanques, mas numa espécie de cercado em plena integração com o oceano. Eles podem ir para o mar e voltar quando quiserem, pois basta um pequeno salto para sair da área cercada. Com isso, segundo o pessoal de lá, nunca tiveram qualquer incidente, já que a sensação de liberdade reduz o stress dos golfinhos.

dolphin-cove

Mas com comida de graça e farta, poucos se aventuram no oceano, e quando o fazem voltam rapidamente. O que acontece com mais freqüência é alguns golfinhos “selvagens” aparecerem para fazer um lanche.

A fazenda de tartarugas de Cayman é o Projeto Tamar de lá, só que num estilo americano. Ao invés de apenas criar e tratar das tartarugas, foi construído um grande complexo, com tartarugas de todos os tamanhos, uma grande piscina artificial para snorkel e um pequeno parque aquático.

fazenda-tartarugas-cayman

É uma atração voltada para crianças e quem gosta da natureza. Para percorrer todo o parque é preciso algum tempo e disposição, pois o tudo é feito sob o sol. Mas com certeza você nunca terá visto tantas tartarugas marinhas em um mesmo lugar.

caiman

Com o auxílio de um funcionário é possível pegar um filhote de tartaruga nas mãos, o que faz a alegria das crianças, e de muitos adultos.

Não é um local barato, sendo que o ingresso apenas para o Turtle Farm custa 30 dólares por adulto e para todo o complexo custa 45 dólares por adulto. Minha sugestão é pegar o ingresso apenas para o Turtle Farm, pois em pleno Caribe não se justifica muito ficar em um parque aquático.

Se tem algo que não falta em Grand Cayman são belas praias. Onde você esteja terá uma praia por perto. As que visitei e gostei foram as praias da Seven Mile Beach, central e com vários hotéis, Rum Point, que tem diversas opções de entretenimento, como aluguel de Jet ski e mergulho e Cemitery Beach, também na área central e como excelente visibilidade para snorkeling.

seven-mile-beach

rum-point

cemitery-beach

As faixas de areia são bem generosas, mas em algumas praias, como a Cemitery, não têm bares de apoios. Em outras, como Red Point, a estrutura é completa, com diversão para toda a família.

(Viaje na Viagem)

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: