Você está aqui
Home > Relacionamento > Truques da comunicação ajudam a educar os filhos

Truques da comunicação ajudam a educar os filhos

Fallback Image

educar-filho

A mentora de coaches, Mônica Vitória, dá dicas de como dialogar corretamente com filhos.

A comunicação é primordial para qualquer ser humano, mas as mães possuem o dom da comunicação bem mais aflorado. Desde cedo, elas procuram criar um clima de diálogo com os filhos, como no momento da gestação, em que a mãe passa a conversar diariamente com o bebê. Pensando na atitude correta para dialogar com os filhos, a mentora de coaches, Mônica Vitória, traz algumas dicas para agir de forma correta na hora de conversar com eles.

“Há pais que, com a melhor das intenções, tentam verbalizar com os filhos quando estão fazendo algo de errado, e ao abordarem para o questionamento, acabam se tornando fazedores de sermões e não conseguem solucionar o problema”, explica Mônica Vitória.

Para facilitar a comunicação com os eternos “pequenos”, a coach desenvolveu algumas técnicas de como manter o diálogo com os filhos desde a fase infantil, até os momentos da fase adulta, de uma forma simples e fácil com os truques da comunicação, que auxiliam na interpretação e assimilação.

Em alguns momentos, é possível utilizar as técnicas em diferentes contextos, já que o cérebro entende com maior facilidade quando se comunica ao seu filho o que você quer. Cuidado com as broncas. É importante evitar a palavra “NÃO”, porque o cérebro se fixa no que vem depois do “não”, por exemplo, “não mexa nisso”.

Em frases genéricas seguem alguns exemplos das técnicas:

Errado: Não coloque a mão na tomada.

Correto – Com postura, tire a criança perto do perigo junto com um brinquedo em suas mãos e fale: “Filho pega esse brinquedo aqui, vamos brincar longe da tomada, pois aqui machuca, dói muito, e a mamãe quer ver você brincando bem longe daqui, para não machucar”. Aponte e leve seu filho para outros ambientes onde quer que ele brinque com segurança.

Errado: Não chore!

Correto: Com muito carinho pegue a criança e diga sorrindo, “tive uma ideia vamos brincar de rir, vamos brincar de dar gargalhada” e inicie você a brincadeira com uma gargalhada e verá que a criança irá parar de chorar e começa a rir.

Errado: Porque você não fez isso? – (Pode ser uma lição, arrumar algo, atividades que deveriam ser feitas e ficaram para trás).

Correto – Substitua por perguntas: Se você não faz o que combinamos o que pode acontecer? E se isso acontecer será bom para você hoje? No futuro como isso te prejudicará? O que poderá fazer para cumprir o que combinamos da próxima vez?

Errado: Você é um irresponsável.

Correto: O que está acontecendo que está dificultando que faça a coisa certa? Como você pode assumir total controle sobre esta situação pra conseguir agir corretamente?

“A capacidade de dialogar tem como referência a segurança que cada um dos interlocutores tem em si mesmo. A família é um ponto de referência para a criança e o jovem, aprenda a dialogar, para que assim as atitudes favoráveis sejam tão importantes como a tolerância, a assertividade, a habilidade dialética, a capacidade de admitir erros e de tolerar as frustrações”, finaliza a especialista.

Similar Articles

Leave a Reply

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Acima