Você está aqui
Home > Atividade Fisica > Dicas para não deixar a academia no inverno

Dicas para não deixar a academia no inverno

academia-inverno

No inverno, o frio e a preguiça são fatores que colaboram para a desistência da prática de atividade física. Para não fugir da academia nessa época do ano, é preciso muita motivação para manter a rotina de exercícios e chegar com tudo no verão. Por isso, o educador físico da R.White, Robson Massao, dá 5 dicas para manter a forma mesmo com as temperaturas mais baixas:

1. Treine com aquela música mega animada que você adora. Assim, terá uma sensação de bem-estar e motivação para realizar qualquer atividade física;

2. Não passe em casa depois do trabalho antes de ir para a academia. Evite a preguiça de sair de casa, que faz com que as pessoas desistam de treinar;

3. Faça um bom aquecimento antes do treino para espantar o frio, aumentar a temperatura corporal e, consequentemente, evitar lesões;

4. Treine com um amigo. Ele pode ser um grande aliado para os dias preguiçosos e uma boa ajuda para atingir os seus objetivos;

5. No inverno, o corpo gasta mais energia. Aproveite que nos dias mais frios o aumento da demanda energética é maior e utilize essa manobra do organismo a seu favor para emagrecer aqueles 2 quilos extras.

O ideal é buscar realizar sempre as atividades físicas que dão mais prazer, assim o risco de abandonar o treino no inverno é muito menor. “Além disso, estudos apontam que o ganho de peso pode ser maior em quem abandona e recomeça os exercícios com frequência. Sendo assim, manter a rotina é sempre a melhor opção”, afirma Massao.

A R.White oferece diversas aulas aeróbicas que aliam diversão e perda de peso, um motivo a mais para não abandonar a academia no inverno:

Jump Mix – tem predominância aeróbica e intervalada, unindo os benefícios cardiovasculares e musculares do jump (mini-trampolim) à ginástica localizada, utilizando rubberbands (borrachinha) e halteres.

Ritmos Play – aula de dança com enfoque aeróbico e trabalho de resistência muscular com ritmos latinos e tropicais como salsa, axé, zouk, funk e samba.

Robson Massao, educador físico da R.White.

 

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: