Você está aqui
Home > Beleza > Olheiras – como acabar com elas

Olheiras – como acabar com elas

olheiras

Noites mal dormidas, estresse, alimentação precária, cigarro, álcool, sol e uma vida desregrada acabam resultando nas olheiras e para eliminá-las os tratamentos estéticos surgem como uma boa opção.

As olheiras são resultados de dois fatores: a ação da melanina, o pigmento que dá cor à pele, que somada à microcirculação local causa o escurecimento da região. Como a pele abaixo dos olhos é muito fina, o conjunto de vasinhos acaba transparecendo mais. As olheiras ocorrem com mais frequência em pessoas de pele morena que fabrica maior quantidade de melanina. Por isso, é importante manter um bom cuidado nas regiões da face e das pálpebras com hidratantes e protetores solares.
A fisioterapeuta Mariangela Bizelli, está utilizando em seus protocolos uma novidade de última geração, que une a Radiofrequência Biodynamic + Fotobiomodulação com LEDs de várias cores, com o objetivo de agilizar os resultados dos tratamentos. LED quer dizer Luz Emitida por Diodo.
A Fotobiomodulação é a utilização da luz com fins terapêuticos e estéticos, uma vez que estimula de forma não invasiva o metabolismo celular. Ideal para vários tratamentos, como os de rejuvenescimento, clareamento de manchas, acne.

O aparelho que une esses tratamentos é o SPECTRA G3, que possui 4 manoplas de Fotobiomodulação, sendo que a CITRINE LIGHT (LUZ ÂMBAR) emite a irradiação dessa luz amarela, que trata as olheiras. Possui propriedades drenantes e desintoxicantes. Além das olheiras, a luz amarela serve para hidratação facial, rejuvenescimento, estimula fibroblastos na síntese de colágeno, melhora a circulação sanguínea e linfática, minimiza edemas e efeito calmante nos casos de vermelhidão causada por rosácea.

Além da Fotobiomodulação, as olheiras podem ser tratadas com a Carboxiterapia, que tem o poder de ativar a circulação do sangue, atenuando as marcas esverdeadas ou azuladas. “Esse procedimento fica menos dolorido quando o equipamento consegue regular a entrada do gás carbônico, além de aquecê-lo diminuindo o desconforto numa região que é muito delicada”, explica a fisioterapeuta.

A Carboxiterapia é eficiente para o tratamento das olheiras, uma vez que elas são formadas devido aos vasos sanguíneos locais possuírem uma baixa taxa de O2 (oxigênio) e com isso o sangue passa a apresentar uma coloração azulada formando as olheiras.

A Infusão de CO2 vai aumentar a oxigenação desses vasos devolvendo a sua coloração avermelhada e eliminando a olheira. Quando aplicada em camada mais superficial estimula a síntese de elastina e colágeno contribuindo para a retração da pele, que passará a ter melhor qualidade estética. Nesta técnica, o gás carbônico é injetado no tecido subcutâneo utilizando-se uma agulha muito fina, melhorando a circulação e oxigenação dos tecidos, causando um bom efeito estético adiando a cirurgia e levando a um rejuvenescimento palpebral e facial.

Outra opção bastante acessada e bem interessante é o com o IPL, aparelho de Luz Intensa Pulsada que realiza um procedimento não invasivo utilizado para melhorar a aparência da pele, chega às camadas mais profundas da pele, estimulando e nutrindo as células que produzem colágeno e elastina. É uma forma de terapia de fotorejuvenescimento, na qual intensos pulsos de luz são direcionados para áreas da pele a fim de corrigir imperfeições. É indicado para tratar vasos superficiais mais avermelhados e finos em qualquer região da face.

As receitinhas caseiras também ajudam, mas momentaneamente, porque comprimem os vasos sanguíneos que escurecem a região.
– Pepino: distribuir as rodelas do pepino geladas em volta da região dos olhos, o que provoca uma vasoconstrição e, com isso, dá a impressão de que as olheiras melhoram, mas é apenas temporário, porque na verdade o que ajuda a amenizar as olheiras e a atenuar o inchaço é o contato com o frio.

– Chá de Camomila: o chá gelado também ajuda temporariamente devido ao efeito calmante a ao resfriamento do local.

– Chá Preto: deve estar bem gelado. Com a água e a cafeína nesta temperatura, os vasinhos se contraem e ficam menos aparentes.

– Hortelã: preparar um chá com o hortelã e levar ao freezer até ficar bem gelado. Depois é só passar num algodão e deixar a compressa agir por 15 minutos.

– Batata: cortar duas fatias finas de batata e colocá-las sobre cada pálpebra. Deixar agir por 20 minutos e depois lavar o rosto com água fria.

O que não faltam são dicas para tratar as olheiras, mas é fundamental uma boa noite de sono e uma alimentação adequada.

Similar Articles

Acima