Você está aqui
Home > Melhor Amiga > Como ajudar uma amiga com depressão?

Como ajudar uma amiga com depressão?

Nos últimos anos houve um enorme crescimento nos casos de depressão, principalmente entre adolescentes, a doença tem atingido pessoas a partir dos 12 anos, e é nessa idade que é considerado ainda mais perigoso. Você já olhou ao seu redor e encontrou pessoas que deem indícios que tem a doença, seja na sua família ou amigos? Geralmente quem tem depressão não costuma assumir por diversos motivos, mas se você convive diariamente com uma pessoa que tem, deve repensar a forma como lida com ela. O Portal Melhor Amiga traz alguma dicas de como você pode ajudar a sua amiga que tem depressão.

O que é depressão?

Depressão é uma doença psiquiátrica crônica e recorrente que produz alteração do humor caracterizada por tristeza profunda e forte sentimento de desesperança. Alguns dos seus sintomas são a falta de interesse em fazer as coisas, falta de energia, baixa autoestima e desânimo constante. Genética, traumas causados na infância, estresse físico e psicológico são algumas das causas, a depressão pode aparecer em qualquer fase da vida.

Antes de tentar ajudar a sua amiga é importante que você saiba como a doença funciona e que em cada pessoa ela age de maneira diferente, é fundamental conversar com sua amiga para tentar entendê-la. Lidar com uma pessoa com depressão tem dias bons e ruins, seja paciente e incentive-a sempre a cuidar da saúde. 

Cinco maneiras de ajudar sua amiga com depressão

1Não trate a depressão como uma doença irrelevante: a depressão pode aparecer de diferentes maneiras, dos casos mais leves ao mais sérios, aos pequenos sintomas que sua amiga demonstrar, fique atenta. Se ignorada, pode piorar.

2Ouça sua amiga: uma pessoa com depressão tem dificuldade em falar abertamente sobre o assunto, inclusive negando. Ao falar com sua amiga que apresenta a doença, evite falar diretamente sobre depressão ou o que for relacionado, mas pergunte sempre como ela está se sentindo, como foi o dia, faça perguntas que demonstram que você realmente está preocupada, acolha a pessoa, não julgue-a e nem faça comentários que possa agravar a saúde mental dela. Esteja disposta a ajudar da maneira que achar necessário, mas não sufoque sua amiga, a pressão nesse caso pode incomodar a pessoa.

2Leve-a para sair: o desinteresse é uma característica comum da depressão, normalmente vem o isolamento e a vontade de ficar apenas em casa, se esse for o caso da sua amiga, convide ela para sair, sabe o lugar preferido dela? Então, que tal irem juntas passear? Ou vocês podem ir a um parque, cinema, shopping, o importante é que você a distraia um pouco, mesmo que momentaneamente, para que ela não fica tão focada na doença, esses momentos são importantes. Evite levar sua amiga em lugares que tenha álcool, a pessoa com depressão, tem como lema “beber para esquecer os problemas”, isso pode prejudicar ainda mais, beber não é a solução, no dia seguinte, surge o arrependimento e os sintomas da doença permaneceram lá.

3Pratiquem uma atividade juntas: sair pode fazer muito bem para a sua amiga, mas não precisa ser algo esporádico, vocês podem praticar uma atividade juntas, semanalmente, esportes físicos, cozinhar, se reúnam para maratonar filmes, criem um blog para escrever sobre diversos assuntos,enfim, usem a criatividade. Mas isso não precisa ficar restrito apenas a vocês, se vocês estudam, socializem com o pessoal da classe, faça com que sua amiga não se sinta excluída, independente da ocasião.

4Incentive-a procurar um especialista: existem diferentes casos de depressão, pode ser que em um primeiro momento sua amiga negue a doença, assim como pode negar procurar ajuda, por mais que você tente ajudar ela, talvez não seja suficiente. Incentive-a procurar ajuda, porque quanto antes ela puder tratar a doença, melhor será, existe tratamentos com remédio ou ela pode frequentar um especialista semanalmente ou quinzenalmente para conversar, se ela pedir, acompanhe-a até o consultório. A depressão não apresenta uma cura imediata, é um processo que apresenta melhorias, esteja presente nesse momento para a sua amiga, apoiando sempre, mas não seja invasiva demais, respeite o momento dela.

5Mantenham a distância das redes sociais: as redes sociais estão presente constantemente no nosso cotidiano, tanto que o aumento de cyberbullying tem sido umas das principais causas de depressão nos jovens, mas entre os adolescentes, as meninas são as mais afetadas, em conseqüência de assédio online e baixo autoestima, faça com que sua amiga acesse menos as redes sociais e você também. Estipule a quantidade de horas em que vocês podem usar as redes sociais durante a semana, é necessário estar conectado, mas saibam aproveitar o mundo offline.

Cuide da sua amiga, mas não se esqueça de cuidar de você, pensar no próximo é maravilhoso, é uma satisfação a sensação de poder ajudar alguém, mas cuide de você também. Se sentir que a depressão da sua amiga está afetando a sua própria saúde, mantenha-se um pouco distante, isso não significa que você não se importa com sua amiga, pelo contrário, mas é importante cuidar de si também. Lidar com saúde mental é complicado, mas saiba que existem momentos de escutar e também de falar, se necessitar compartilha isso com uma pessoa mais madura, compartilhe, desde que não invada a privacidade e saúde da sua amiga, expondo-a mais do que o necessário.

Você tem uma amiga que já teve ou ainda tem depressão? Como você lida com a depressão dela? Conta para nós aí nos comentários.

Similar Articles

Acima
%d blogueiros gostam disto: